Quem recebe um salário mínimo levará 19 meses para ganhar o que recebe o presidente da Câmara de Vereadores de Joinville

Mesmo assim, este ano, foi aprovado o aumento de salário dos vereadores com apenas 02 votos contrários

Por Jacson Carvalho 21/09/2017 - 09:15 hs
Quem recebe um salário mínimo levará 19 meses para ganhar o que recebe o presidente da Câmara de Vereadores de Joinville
Foto: Divulgação

A matéria de capa da edição do mês de setembro do Jornal Nosso Bairro retrata bem a realidade de uma trabalhadora que luta para manter a casa, pagar o transporte escolar das crianças e sobreviver em meio à crise que nosso país enfrenta.

 

Desde o início da grande crise brasileira, lá por 2015, entrando por 2016 com toda foça, várias empresas fecharam as portas, pessoas ficaram desempregadas, tivemos aumento de combustível, aumento de impostos, aumento da inflação, aumento de energia elétrica e aumento dos salários do executivo e legislativo de Joinville.

 

Um bom exemplo ocorrido este ano veio do Supremo Tribunal Federal, que enviou o orçamento para o próximo ano sem o reajuste salarial dos ministros, ou seja, cortaram na própria carne. É. Não foi isso que aconteceu por aqui, na verdade, foi uma vergonha pouco comentada pela mídia e jornalistas da cidade.

 

Ainda percebo nas pessoas um depósito de confiança no jornalismo, os cidadãos estão tão desacreditados da política que ainda confiam suas esperanças num mero mortal profissional de jornalismo, como a via fiscalizadora. E quando isso não acontece?

 

Triste realidade que vivemos! Vejo muitos profissionais na cidade que se aquietam, que estão adormecidos como fiscalizador.

 

Agora, analise comigo, segundo a matéria muito bem explicada pela jornalista Karollayne Rosa, um trabalhador que recebe apenas R$ 937,00 levará 19 meses para ganhar o salário do presidente da Câmara de Joinville, sim ele, Fernando Krelling recebe “somente” R$ 18.658,16, fora os benefícios.

 

Um trabalhador que recebe um salário mínimo levará 13 meses para receber o que um vereador recebe em apenas um mês, um “salariozinho de apenas” 12.800,00 reais.

Isso sim é desigualdade. Com este valor pago poderíamos ter muito mais representantes na Câmara de Vereadores de Joinville, poderíamos ter muito mais benefício para a sociedade.

 

Até a próxima coluna realidade!

 

Leia a matéria de capa completa:  Joinvilense relata como a recessão econômica afeta a vida de famílias que vivem com baixo salário