Cara de time

Técnico Pedrinho Maradona promove entrada de profissionais no Joinville

Por Gabriel Fronzi 21/08/2019 - 17:27 hs
Cara de time
Foto: Yan Pedro/ JEC.com.br

Faltando menos de 20 dias para o início da Copa Santa Catarina, o Joinville começa a ganhar uma cara com o técnico Pedrinho Maradona. Utilizando como base o time de Juniores que alcançou as semifinais do Estadual, o treinador tricolor promoverá a entrada gradual de alguns profissionais, como o caso de André Baumer, Gustavo, Roberto e Leandro Bulhões.

Até a estreia contra o Figueirense, no dia 8 de setembro, o JEC realizará três atividades preparatórias e, logicamente, poderá ter alterações entre os titulares. A primeira será neste sábado, no CT, contra o Carlos Renaux. Depois, estão agendados outros compromissos contra Itajaí e Athletico nas semanas seguintes.

  • Provável escalação: Dalberson; Lucas Sena, Yago, André Baumer e Gustavo; Roberto e Leandro Bulhões; Chrystian, Diego e Marcos Brazion; Jean. 

Abaixo, o blog fará um pequeno resumo dos 11 jogadores que postulam a titularidade nesta intertemporada e que treinaram a maior parte do tempo nas atividades diárias no CT.

Foto: Kaue Vezentainer

Goleiro: Dalberson (foto) chegou no Joinville em 2017 e contabiliza apenas três jogos como profissional. Porém, o jogador de 22 anos – que possui seis anos de base no Cruzeiro – teve boa atuação em todas as vezes que foi exigido. Nos treinamentos, o atleta impressiona todos pela frieza como principal característica.

Foto: Kaue Vezentainer/ JEC.com.br

Laterais: Lucas Sena veio do Vasco no início de maio e depois ganhou espaço com Pedrinho Maradona no time Sub-20. Polivalente, o jogador disputará vaga com João Marcos, que ainda não reúne condições ideais. Do outro lado, Gustavo (foto) – com vínculo próximo do fim – terá a última oportunidade para mostrar qualidade com a camisa tricolor.

Defesa: Yago foi muito bem no último estadual de Juniores e, preliminarmente, desbancou Léo Coltro, que já atuou na Copinha em 2018. O jogador deve formar dupla com André Baumer (foto), que retornou de empréstimo ao futebol português e possui boa leitura de jogo.

Foto: Kaue Vezentainer/ JEC.com.br

Volantes: O setor com jogadores mais cascudos possui Leandro Bulhões e Roberto (foto), que retornou de empréstimo junto ao Fluminense. São jogadores com boa desenvoltura e que podem ajudar na liderança do elenco neste momento de reconstrução.

Foto: Kaue Vezentainer

Meias: Chrystian (foto) possui muita qualidade na bola parada e boa saída pelos flancos. Já Marcos Brazion faz um papel importante no balanço, além do bom aproveitamento nas finalizações. Só no Estadual Júnior foram seis gols.

Foto: Julio Cesar Ferreira

Atacantes: Diego Mathias (foto) foi o artilheiro do JEC no Sub-20 com sete gols, dois a menos que os principais goleadores do campeonato. Na base ele também jogou como camisa 10, no meio do 4-2-3-1, pegando a bola de frente e tabelando com Jean, de 19 anos, revelado pelo Atlético-GO e que disputou a Copa SP deste ano pelo São Bernardo.