Subprefeitura Oeste avança na recuperação das cheias

Subprefeitura Oeste avança na recuperação das cheias

Bairro Vila Nova foi um dos mais atingidos pelas chuvas, que acumulou 203 milímetros em 24 horas

30/01/2018 - 11:37 hs

A previsão de tempo com dias ensolarados e menos chuva animou as equipes de manutenção da Subprefeitura Oeste de Joinville, que faz a manutenção da Vila Nova e uma grande área rural com patrolamento, substituição e desobstrução de tubulações. Nesta terça-feira (30) os trabalhos eram realizados por quatro equipes com patrolas e retroescavadeiras.

O bairro Vila Nova foi um dos mais atingidos pelas chuvas dos dias 16 e 17, que acumularam 203 milímetros em 24 horas, com o agravante de ser cortado pelo rio Águas Vermelhas e ter 200 ruas em chão de terra. “Acreditamos que, com a previsão de bom tempo neste final de janeiro e início de fevereiro, em 30 dias colocaremos a casa em ordem”, prevê o secretário da Subprefeitura João Tadeu Moreira.

Toda região que integra a Subprefeitura Oeste é cortada por 180 quilômetros de vias, sendo 85 km em área urbana e 95 km em área rural. Naqueles dois dias de forte chuva, das 230 ruas da Vila Nova 60 foram inundadas e três pontes foram danificadas em suas cabeceiras.

Outra consequência é o entupimento de bocas de lobo com material levado pela água. A Subprefeitura calcula que nessas vias existam 2 mil bocas de lobo. “É um trabalho continuado que depende de bom tempo. Por exemplo, não dá para patrolar uma rua que ainda acumule poças de água”, diz o secretário João Tadeu Moreira.

Leia as últimas notícias de Joinville e região no AJ