Governo Federal reconhece situação de Emergência em Joinville por causa das chuvas

Governo Federal reconhece situação de Emergência em Joinville por causa das chuvas

Recurso deve servir para obras de micro e macrodrenagem, recuperação de pontes, pavimentação, muros de arrimos e a limpeza e desobstrução de rios e canais

Por Redação Agora Joinville 08/02/2018 - 15:54 hs
Foto: Arquivo

O Governo Federal reconheceu a Situação de Emergência no município de Joinville, referendando o decreto assinado pelo prefeito Udo Döhler em 29 de janeiro deste ano.

A oficialização foi feita por meio da Portaria número 33, de 7 de fevereiro de 2018, publicada no Diário Oficial da União (DOU) pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil.

O reconhecimento federal  é decorrente das chuvas intensas dos dias 16 e 17 de janeiro, que afetaram 53 mil pessoas, atingiram 21.404 unidades habitacionais e provocaram prejuízos públicos e para a iniciativa privada.

A Prefeitura de Joinville estima os prejuízos públicos em R$ 2.337.164,06. Para ter acesso a recursos emergenciais, a Prefeitura vai apresentar o Plano Detalhado de Resposta (PDR), por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2ID).

Após a análise técnica por equipes da Secretaria Nacional de Defesa Civil, o Ministério da Integração Nacional define os recursos a serem disponibilizados.

Os investimentos seriam para obras nos sistemas de micro e macrodrenagem, recuperação de pontes, pavimentação, muros de arrimos e a limpeza e desobstrução de rios e canais.

O reconhecimento da Situação de Emergência também permite a movimentação da conta do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) pelos trabalhadores que tiveram suas casas atingidas pelas cheias. Porém, ainda não há uma definição sobre esse procedimento.

Nos próximos dias, a Prefeitura de Joinville e a Caixa Econômica Federal vão divulgar como ocorrerá esse processo.