Prefeitura de Joinville divulga nota de posicionamento sobre paralisação de educadores no Jardim Paraíso

Prefeitura de Joinville divulga nota de posicionamento sobre paralisação de educadores no Jardim Paraíso

Segundo PMJ, reivindicações já foram atendidas

Por Redação Agora Joinville 14/02/2018 - 14:16 hs
Foto: Mauro Artur Schlieck / SECOM

Em nota oficial, a Prefeitura Municipal de Joinville (PMJ) divulgou seu posicionamento sobre a paralisação dos profissionais da educação da Escola Municipal Professor Sylvio Sniecikovski, no bairro Jardim Paraíso. A interrupção das ativiedades aconteceu, de acordo com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Joinville e Região (Sinsej), por falta de professores e servidores de outras áreas, que auxiliam na manutenção escolar, e exoneração do diretor.

Segundo a PMJ, a Secretaria da Educação realizou contratação de professores para atender a demanda. Nas faltas pontuais, como atestado médico ou outras ausências, a equipe técnico-pedagógica atende aos alunos.

Sobre a saída do diretor, a PMJ diz que o pedido veio do próprio servidor. Neste caso específico, outros profissionais assumiram a direção, explica a Prefeitura, de forma temporária, até a finalização do processo de banca, que define a nova gestão da escola. 

Veja: Falta de profissionais em escola municipal leva a paralisação