Celesc orienta consumidores sobre a entrega das faturas

Celesc orienta consumidores sobre a entrega das faturas

Companhia alerta para o possível comprometimento nas entregas das faturas de energia elétrica nos próximos dias

29/05/2018 - 10:08 hs

Em virtude da mobilização dos caminhoneiros que ocorre desde a semana passada e afeta a distribuição de bens de consumo como os combustíveis, a diretoria, as áreas técnica e comercial e as agências regionais da Celesc estiveram reunidas na manhã desta segunda-feira, 28, para seguir o mapeamento da situação no Estado e traçar as próximas ações. Veja os principais pontos:

FATURAS: A Celesc alerta para o possível comprometimento nas entregas das faturas de energia elétrica nos próximos dias. Para manter as contas em dia e evitar contratempos aos consumidores, a Empresa coloca à disposição de seus clientes, sem custo, em sua agência web, a opção de receber a fatura por e-mail, bastando, para isso, realizar cadastro no site http://www.celesc.com.br/portal/. Outra possibilidade é obter a segunda via do documento na agência virtual, pelo aplicativo da Celesc ou ainda por SMS (basta enviar mensagem para 48196 com o texto 2via e o número da Unidade Consumidora OU do CPF do titular da fatura);

- As lojas de atendimento e Contact Center estão operando normalmente;

- Os demais serviços realizados por empresas terceirizadas continuam até que o estoque de combustível esteja disponível;

- A frota de veículos próprios da Celesc só será usada em serviços comerciais nos casos de emergência, como, por exemplo, fazer a ligação de um hospital ou clínica;

- A Celesc vem conseguindo o abastecimento a diesel de 350 caminhonetes e 40 caminhões pesados, destinados a atendimentos de emergência e com reserva disponível para, aproximadamente, mais dois dias;

- Os desligamentos programados seguem a agenda até que as empreiteiras tenham combustível e livre circulação, ou seja, em locais sem barreiras.

A Celesc reforça que continua trabalhando para que a população seja impactada o mínimo possível e continuará atenta aos desdobramentos dos fatos, em busca das melhores soluções, até que a situação esteja normalizada.

Leia as últimas notícias no AJ