Rede de vizinhos ajuda aumentar a segurança em 100 municípios

Rede de vizinhos ajuda aumentar a segurança em 100 municípios

Método tornou-se uma estratégia de prevenção, fortalecendo os vínculos da comunidade

Foto: Divulgação/PM

A Rede de Vizinhos PMSC completa nesta sexta-feira (10), dois anos de institucionalização. Em Santa Catarina a Rede de Vizinhos já está consolidada em 100 municípios e atende mais de 60 mil residências e comércios que participam do programa.

Com o objetivo de aumentar a vigilância pela vizinhança de cada bairro em todos os municípios do Estado, a rede se tornou, nesse período, uma estratégia de prevenção, fortalecendo os vínculos da comunidade, incentivando a vigilância compartilhada e a revitalização de espaços urbanos.

Outro diferencial foi a adoção da rede social do através do WhatsApp, que juntou às estratégias de prevenção situacional, utilizando a rede social como canal para potencializar as interações entre os cidadãos e dando à PMSC o atendimento mais imediato às demandas de segurança.

A Rede de Vizinhos da PMSC é uma estratégia de policiamento, em que uma rede organizada entre comunidade e polícia militar, pautada na filosofia de Polícia Comunitária, reúne vizinhos de uma determinada localidade para atuarem em cooperação e se associarem com o intento de fomentar parcerias e fortalecer as relações interpessoais.

A metodologia adotada pela PMSC foi delimitada para ser possível a operacionalização em comunidades com os mais diferentes contextos socioeconômicos.

Como já foi dito, é preciso destacar que diferentemente de outras estratégias de prevenção similares, a Rede de Vizinhos tem por principal finalidade fomentar e fortalecer vínculos de vizinhança. A vigilância ganha qualidade de natureza secundária.