Joinville se prepara para disputar os Jogos Abertos Paradesportivos de Santa Catarina

Por Redação AJ 10/10/2019 - 09:40 hs
Foto: Divulgação

Uma delegação com 228 pessoas vai representar Joinville nos 15ºs Jogos Abertos Paradesportivos de Santa Catarina (Parajasc), que acontece de 14 a 19 de outubro, na cidade de Caçador, no Meio-Oeste do estado. O município é o atual campeão e vai buscar heptacampeonato. 

No sábado (12), integrantes do Departamento de Paradesporto da Secretaria de Esportes de Joinville (Sesporte), responsável pela coordenação da equipe, se deslocará para a cidade-sede dos jogos para organizar o alojamento da delegação, na Escola Municipal de Educação Básica Henrique Júlio Berger, e preparar o local para receber os atletas que iniciam o deslocamento na segunda-feira (14). 

Joinville disputa as quatro categorias dentro da competição. Na categoria para deficientes físicos (DF), os 44 atletas vão participar das modalidades de atletismo, basquete em cadeira de rodas, bocha paralímpica, tênis de mesa e xadrez. Os atletas com deficiência intelectual (DI) terão 47 representantes no atletismo (com duas subdivisões, uma para DI e outra para portadores de síndrome de Down), basquete, bocha, futsal e tênis de mesa. 

Os 48 atletas com deficiência visual (DI) que representam Joinville vão disputar atletismo, bocha, ciclismo tandem com guia, golbol e xadrez. Na categoria de deficiência auditiva (DA), os 31 atletas vão disputar as modalidades de atletismo, bocha, futsal, tênis de mesa e xadrez. 

Ao todo, 170 atletas joinvilenses, acompanhados por 20 técnicos e guias para os portadores de DI, além de seis pessoas responsáveis pela coordenação e outras seis que farão o preparo das refeições, compõem a delegação, que lotará quatro ônibus e quatro vans para o transporte até Caçador. 

Pelo terceiro ano, a equipe recebe o auxílio do 62º Batalhão de Infantaria, que envia soldados para auxiliarem no deslocamento dos atletas durante todo o evento esportivo. A Sesporte é responsável pelo transporte, alimentação e pelo fornecimento de colchões a todos os componentes da delegação, ficando por responsabilidade de cada participante levar os demais utensílios de uso pessoal. 

Segundo Rosicler Ravache, coordenadora do paradesporto da Sesporte, há uma grande expectativa de bons resultados. “Saímos com o resultado à frente, pelo desempenho na modalidade de natação, que aconteceu em agosto. Teremos uma disputa muito grande com Chapecó e algumas outras cidades, todos estão buscando um bom resultado, mas queremos trazer o heptacampeonato para Joinville”, conta Rosicler. 

A participação dos atletas, além de um incentivo para a prática de esportes e a inclusão, possibilita vivências especiais. No alojamento, a organização promove uma noite cultural, em que cada participante tem a oportunidade de mostrar um pouco do que sabe fazer a todo o grupo. “Eles cantam, dançam, contam histórias. Fazem um show!” Este ano, a noite cultural será na quarta-feira (16/10). 

Na segunda-feira (14/10), com a chegada dos atletas, acontece a classificação funcional para aqueles que participam pela primeira vez da competição, e, às 19 horas, será realizada a abertura oficial do evento, com o início das disputas na terça-feira, dia 15 de outubro. 

A modalidade de natação foi realizada no dia 3 de agosto, em Indaial. Os 45 atletas representantes de Joinville garantiram a vitória nas disputas masculinas e femininas para os segmentos de deficiência física, visual e intelectual, além de serem campeões no feminino e vice-campeões no masculino para deficientes auditivos, levando sete dos oito troféus distribuídos na modalidade. As competições aconteceram na Piscina Municipal de Indaial. A cidade foi escolhida para a disputa porque o município-sede da competição não dispõe de piscina oficial.