Samu soma mais de 80 mil atendimentos nos meses de pandemia

A Grande Florianópolis é a região com mais ocorrências registradas

Por Redação Agora Joinville 28/08/2020 - 09:05 hs
Foto: Foto: Divulgação/ Samu

Nesta semana, a Superintendência de Urgência e Emergência divulgou relatório que abrangeu o quantitativo de chamadas e atendimentos realizados pelo SAMU de Santa Catarina no período da pandemia do Coronavírus – contando do dia 1º de março até o dia 17 de agosto. Ao todo, o SAMU atendeu 80.629 ocorrências que precisaram de envio de veículo: Unidades de Suporte Básico, Avançada e Arcanjo.

As regiões com mais atendimentos nos últimos seis meses foram Grande Florianópolis (mais de 16 mil), Vale do Itajaí (mais de 12 mil), Norte/Nordeste (mais de 12 mil) e Sul do Estado (com mais de 11 mil).

No mesmo período, de março até agosto, o relatório também condensou o número de atendimentos relacionados à Covid-19 e repetiu as macrorregiões com maior demanda. Foram 7.213 ocorrências de Coronavírus registradas nas Centrais de Regulação do dia 27 de março até o dia 12 de agosto.

Destas, 4.347 precisaram apenas de orientação médica por telefone e outras 2.032 necessitaram de envio de ambulância. A regiões que mais utilizaram Unidades de Suporte Avançado para tratamento Covid-19 foi a Grande Florianópolis (com 71 atendimentos) e a Foz do Rio Itajaí (com 58 atendimentos). O SAMU também realizou a transferência de 834 pacientes com coronavírus nestes meses.

Outro dado importante levantado pelo relatório divulgado pela Superintendência é o número de trotes ao serviço, que passou de 10 mil. O Meio Oeste é a macrorregião com o menor número de trotes, enquanto a região de Joinville é a que mais registrou trotes – cerca de 2,5 mil. Em seis meses, o SAMU atendeu quase 170 mil chamadas nas Centrais de Regulação.